COMPORTAMENTO

Gratidão

gratidao

Não sei se hoje foi um dia bom, pensei sobre isso antes de dormir. Pensei nas minhas falhas e dissabores, no medo, na raiva, na decepção e todos os sentimentos vividos. Me questionei várias vezes: Porque eu sinto tanta dor? Porque eu tenho que me decepcionar? Porque eu tenho que sofrer? Porque?

Por um momento achei que não teria respostas para tantos porquês.

Virei pro lado e continuei pensando na minha vida, no meu dia. Então comecei a refletir e conversar com Deus. Comecei agradecendo por mais um dia de vida, por saber que minha família estava bem. E então agradeci pela comida que me alimentou e a água que me saciou quando tive sede. E fui percebendo que tinha mais motivos pra agradecer do que reclamar.

Agradeci por ter sido forte quando a dor bateu e eu ter tido forças pra seguir. Agradeci por, mesmo nas minhas derrotas, eu ter levantado e começado tudo de novo. Agradeci por todos os “não” que recebi, porque me incentivaram ainda mais a ir em busca do “sim”. Agradeci por ter tido medo, pois ele me mostrou que sou capaz de superar. Agradeci pela raiva, porque entendi que não quero esse sentimento pra mim e nem pra minha vida. Agradeci por errar, pois aprendi que sou humana e que não sou, e nunca serei, melhor que os outros.

Enfim, compreendi que na verdade não deveria estar tão chateada. Hoje foi um dia de aprender. E o que eu mais aprendi nesse dia, foi que conversando com Deus entendi o sentido da gratidão. Mesmo que tudo pareça ruim, que sua vida pareça um buraco escuro e sem fim, observe o lado bom de tudo e será grato por ter forças de superar um novo dia, uma nova história, uma nova página.

Tive a certeza que Deus queria e quer sempre o melhor pra mim, e que mesmo eu achando tudo terrível, eu não estava sozinha. Deus caminha comigo em todos os momentos. Então fechei os olhos, aquietei meu coração e fui dormir.

Postagem anterior Próximo Post

Sem comentários

Deixe um comentário