Navegando aqui:

COMPORTAMENTO

COMPORTAMENTO

Leia esse texto se você tem sonhos estagnados

sonhos

Como escrever sobre sonhos? Ainda mais quando estão parados no tempo? Eu poderia começar esse texto citando aquela música do Renato Russo: voltamos a viver como há dez anos atrás e a cada hora que passa envelhecemos dez semanas. Só que há dez anos atrás eu tinha doze anos. E aos doze anos minha única certeza na vida era que aos vinte e dois anos eu já estaria morando no meu próprio apartamento, viajando o mundo, com uma carreira profissional incrível, uma vida saudável e meu próprio cachorro (da raça labrador, que chamaria de Jack).

Parece que eu estou decepcionando aquela garotinha, porque não tenho um apartamento para chamar de meu. Muito menos um labrador. E a vida saudável? Bem, vamos mudar de assunto.

Mas eu não esqueci esses sonhos, por mais que estejam estagnados. Pelo contrário, estão todos bem guardados e organizados no meu ser. E é por aquela garota de doze anos – cheia de certezas – que eu me levanto todas as manhas para tentar mais uma vez.  Falho, erro, caio, levanto, tento de novo, acerto, erro de novo e desanimo, mas nunca desisto.

Ninguém me avisou que, no auge dos meus vinte e poucos anos, a vida seria tão diferente do que eu havia sonhado. Podiam ter me alertado sobre as pedras no caminho. Será que me alertaram? Vai saber, eu só tinha doze anos.

Às vezes sinto como se estivesse correndo atrás de algo que ainda não sei o que é. Há dez anos atrás tudo parecia ser tão simples. Sonhar era mais simples.

Mas os sonhos ficaram para criança de doze anos, e agora tá na hora de encarar a realidade da vida. Esse é o momento de transformar os sonhos em planos, criar metas e manter o foco. Se desesperar na primeira dificuldade também, é normal, mas respirar fundo e seguir em frente.

Aprendi que comparar o meio caminho andado de alguém com o início da minha caminhada não ajuda em nada. E se você também tem feito isso, por favor, por você, pare. Cada ser dessa terra tem uma missão. Talvez você ainda não tenha encontrado a sua, ou já encontrou, mas ainda não a compreendeu, ou já compreendeu, mas ainda não a aceitou. Tá tudo bem, mesmo. Vai no seu ritmo.

Me desculpem, mas eu vou citar a música do Renato de novo: a riqueza que nós temos ninguém consegue perceber.  Não use a vida de outra pessoa como base para sua, ainda mais se isso for te deixar desmotivado. Busque inspiração, sim, isso está liberado, mas não se martirize por não ser igual. Não queira ser igual, queira ser você. Enxergue a riqueza que existe em você, mesmo que ninguém mais a perceba.

As coisas não costumam acontecer no tempo em que planejamos, mas sempre acontecem do jeito certo e, principalmente, na hora certa. Não desista, até porque negatividade só atrai negatividade.

Agarre-se a isso: se ainda não aconteceu, ainda não chegou a hora, mas quando a hora chegar será perfeito.

Eu ainda não realizei todos os sonhos da menininha do início desse texto. Seria mais fácil se todos os nossos desejos, sonhos, planos e projetos se realizem como mágica, igual aos contos de fadas da infância. Mas quando olho para minha bagagem da vida, há muito mais conquistas acumuladas do que aquela menina poderia ter imaginado.

Vamos seguir em frente, enfrentando o mundo. Construindo os degraus que nos levarão a realizar os sonhos de criança e aproveitando o caminho para sonhar cada vez mais alto.


 Me acompanhe nas redes sociais para não perder nenhuma novidade:

Facebook Twitter Instagram Pinterest Flickr SnapChat (diariodesereia)

COMPORTAMENTO, RELACIONAMENTO

Amor ao próximo

amoraoproximo

Ajude e permita-se ser ajudado. O universo conspira à favor de quem não conspira contra ninguémFazer o bem sem olhar à quem, é uma das mais belas coisas nesse mundo. Já parou pra pensar como é bom o sentimento de fazer algo pra alguém sem querer nada em troca? Não? Olha, é bom demais!

Ver o contentamento de alguém, o olhar de gratidão, o sorriso desinteressado, poder ouvir “Deus te abençoe” ou um simples gesto de carinho em agradecimento. É muito gratificante, a gente sente uma paz, uma sensação de dever cumprido.

Aí você deve estar se questionando: Mais eu não tenho dinheiro pra ajudar ninguém? Eu não vou sair por aí ajudando quem eu não conheço? Ninguém faz nada pra mim, muito menos de graça.

Pois saiba que na maioria das vezes não é o dinheiro que conta. Claro que dinheiro, infelizmente, é essencial. Sem ele não podemos comprar nada. Mais as vezes você pode ajudar alguém com apenas um sorriso, sim, isso mesmo que você acabou de ler. Um Sorriso!

As vezes você sorrir pra alguém que teve um dia não tão bom quanto queria, ou que sente sozinho em meio a multidão, faz essa pessoa se sentir especial por alguns segundos milagrosos. E um “bom dia”, nossa você não faz ideia como ele é importante. Assim como um “você está bem?”, ou “não desanime”, palavras de incentivo faz um bem danado. Mostrar-se realmente preocupado, ou pelo menos se importar com o sofrimento alheio, isso também ajuda muito quem está passando por um problema.

Doar uma roupa, um alimento, ou apenas afeto. Isso pra quem não tem nada é muito. E você que foi agraciado com um pouquinho à mais, não custa nada! Ou você acha que custa? Tire suas próprias conclusões.

Alimentar um animal de rua, proteger os mais indefesos, dar um afago aos mais maltratados, isso é maravilhoso. Você vê de imediato no olhar a gratidão e a confiança que, naquele momento, depositam em nós. Doe um pouco do seu tempo pra ouvir um amigo que precisa desabafar ou até mesmo um estranho que você percebeu que está sufocado precisando de uma palavra de conforto.

Por onde passar espalhe luz, sorrisos, sentimentos bons!

Mais não faça nada disso pensando em receber nada em troca, tem que ser desinteressado, senão não vale a pena. O amor ao próximo, o respeito, a empatia que você ofertar, tem que ser com um único objetivo: Transformar a vida de alguém.

No final das contas você irá perceber que você não ajudou, você foi ajudado. Porque fazer o bem é um dos sentimentos mais prazerosos que tem.

Se você tem alguma dúvida, experimente. Eu te garanto que você não vai se arrepender. Só mais uma coisinha que você não pode esquecer: vai haver ingratidão em alguns momentos, aí já não é mais com você, já é um problema de quem ainda não entendeu o significado do BEM e do AMOR!

COMPORTAMENTO

Gratidão

gratidao

Não sei se hoje foi um dia bom, pensei sobre isso antes de dormir. Pensei nas minhas falhas e dissabores, no medo, na raiva, na decepção e todos os sentimentos vividos. Me questionei várias vezes: Porque eu sinto tanta dor? Porque eu tenho que me decepcionar? Porque eu tenho que sofrer? Porque?

Por um momento achei que não teria respostas para tantos porquês.

Virei pro lado e continuei pensando na minha vida, no meu dia. Então comecei a refletir e conversar com Deus. Comecei agradecendo por mais um dia de vida, por saber que minha família estava bem. E então agradeci pela comida que me alimentou e a água que me saciou quando tive sede. E fui percebendo que tinha mais motivos pra agradecer do que reclamar.

Agradeci por ter sido forte quando a dor bateu e eu ter tido forças pra seguir. Agradeci por, mesmo nas minhas derrotas, eu ter levantado e começado tudo de novo. Agradeci por todos os “não” que recebi, porque me incentivaram ainda mais a ir em busca do “sim”. Agradeci por ter tido medo, pois ele me mostrou que sou capaz de superar. Agradeci pela raiva, porque entendi que não quero esse sentimento pra mim e nem pra minha vida. Agradeci por errar, pois aprendi que sou humana e que não sou, e nunca serei, melhor que os outros.

Enfim, compreendi que na verdade não deveria estar tão chateada. Hoje foi um dia de aprender. E o que eu mais aprendi nesse dia, foi que conversando com Deus entendi o sentido da gratidão. Mesmo que tudo pareça ruim, que sua vida pareça um buraco escuro e sem fim, observe o lado bom de tudo e será grato por ter forças de superar um novo dia, uma nova história, uma nova página.

Tive a certeza que Deus queria e quer sempre o melhor pra mim, e que mesmo eu achando tudo terrível, eu não estava sozinha. Deus caminha comigo em todos os momentos. Então fechei os olhos, aquietei meu coração e fui dormir.